Stanozolol Injetável 50mg/ml

Descrição

Fórmula:

Cada ml contém:

stanozolol…………………………………………………………………………………………… 50 mg.

Excipientes…………………………………………………………………………………………… c.s

Propriedades:

O ingrediente ativo é o estanozolol, que é 17-&-hidroxi-17-&-metil androstano (3,2-c) pirazol, um anabolizante moderno, eficaz tanto por via oral quanto parenteral e um poderoso estimulante da síntese de proteínas. O efeito do medicamento (que no caso de STANOZOLOL dura 2 ou 3 semanas) manifesta-se com um aumento do apetite e do peso corporal e com uma recuperação notável do estado geral, melhorando a utilização das proteínas.

Posologia:

STANOZOLOL Injeção intramuscular:

Adultos: 1 mL a cada 2 ou 3 semanas.
Crianças: Até 2 anos: 0,5 mL a cada 2 ou 3 semanas.
Crianças: De 2 a 6 anos: de 0,5 a 1 mL a cada 2 ou 3 semanas, a critério médico.

É uma suspensão oleosa particularmente estudada para uma absorção prolongada ausente em efeitos irritativos locais. Seu uso é preferível sempre que o médico julgar conveniente administrações parenterais espaçadas no tempo. É conveniente integrar o tratamento com uma dieta rica e equilibrada.

Contra-indicações:

Hipersensibilidade ao estanozolol, gravidez, carcinoma da próstata.

Efeitos secundários:

Embora muito raros e sempre reversíveis, podem ocorrer: Náuseas, vômitos, excitação, insônia, acne.

Indicações:

Estados de declínio geral, magreza de várias origens, anorexia rebelde, convalescença, doenças crônicas e debilitantes.
Síndrome nefrótica, asmáticos, artrite reumatóide, etc., para neutralizar o efeito catabólico dos cortisônicos.
Como adjuvante no tratamento de feridas de decúbito, fraturas de cicatrização lenta, osteoporose, queimaduras extensas, períodos pré e pós-operatórios.
Em pediatria, no crescimento estatural e ponderal retardado, no hipoevolucionismo somático, nas distrofias e na imaturidade.

interações:

A administração concomitante de corticosteróides ou ACTH pode ocasionalmente causar edema. Nos tratamentos com anticoagulantes, pode registar-se um aumento da resposta a estes medicamentos, pelo que pode ser necessário reduzir a sua dose para obter o mesmo efeito terapêutico.

Precauções:

Em pacientes sensíveis a efeitos colaterais endócrinos ou hidroeletrolíticos (tendência a edema), o monitoramento periódico é apropriado durante tratamentos prolongados. Em pacientes com doença hepática, recomenda-se o monitoramento dos índices de colestase.

Envenenamento e seu tratamento:

Nas doses terapêuticas indicadas, não é esperada toxicidade aguda. Em caso de sobredosagem dirija-se à Urgência Médica, Secção de Toxicologia.

Apresentação:

Caixa contendo 1 frasco x 30 mL.

Conservar a temperatura inferior a 25°C em local seco e fora do alcance das crianças

Gostaria de Comprar ou ter mais informações?

posso ajudar?